Violência Sexual: contar ou não? Previous item Violência Sexual: como... Next item Wildlife Conservation Society

Violência Sexual: contar ou não?

A maioria das crianças que são abusadas sexualmente não contam o que aconteceu. Isso por medo da pessoa ficar brava, não acreditar ou até mesmo rir dela (sim, é sério).

Outro medo bastante comum é a vítima achar que tem culpa. A culpa nunca é dela, é de quem a machucou. Sempre.

Precisamos criar um ambiente seguro onde nossas crianças podem se abrir e dizer o que acontece na vida delas, seja o que for. Assim, quando estiverem sofrendo algum tipo de violência (sexual ou não), possa contar para alguém que confia.

Fale com sua criança hoje e diga que sempre vai confiar nela e a proteger.

Texto: Rua do Céu

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

I accept the Privacy Policy